Por: Klever Kolberg ligado: julho 26, 2013 Em: Jobs, Rally dos Sertões Comentários: 0

Pioneiro no uso de diesel de cana-de-açúcar no rali, Klever Kolberg e seu navegador Flavio França começaram da melhor forma possível a nova jornada com o inovador prótótipo T-Rex. A dupla da Mobil MEM Motorsport ficou entre as quatro melhores no prólogo que abriu as atividades desta quinta-feira (25). A dupla também terminou na segunda posição o superprime promocional realizado no início da noite em Goiânia (GO).

A estreia foi muito boa (Divuldação - Victor Eleuterio / Foto Arena

Na grande decisão do superprime, Klever e França disputaram com Guilherme Spinelli e Youssef Haddad, mas um pequeno erro durante o percurso deixou a dupla da Mobil MEM Motorsport em segundo. Para a primeira especial desta edição, na qual os integrantes do superprime escolhem o melhor momento de largar, o duo optou por ser o terceiro a ir para a estrada. O resultado deixou Klever mais que satisfeito, uma vez que ele não disputava uma competição oficial há dois anos.

“Queríamos fechar o prólogo entre os oito melhores, mas ficamos entre os quatro, então foi melhor do que esperávamos para este início de competição. No superprime, falei para o Flávio que não faríamos loucuras, pois era importante ter o carro em ordem para a largada da etapa desta sexta-feira. No final, errei uma curva e vi que ia ficar para trás, então apenas decidi levar até o final. Para quem queria ‘tirar a ferrugem’, ficar em segundo não foi nada mal!”, brinca o experiente piloto de ralis, que foi pioneiro do Brasil no Rally Dakar, em 1988.

Na realização do projeto do carro com diesel de cana-de-açucar, Klever e a equipe contam com o apoio da Mobil, Amyris Brasil, Dakar – Inovação e Empreendedorismo, Artfix, Sparco, MWM, Borg Warner e Única.

Trackback URL: http://www.palestramotivacional.com/foi-melhor-do-que-a-encomenda-diz-kolberg-segundo-no-superprime-dos-sertoes/trackback/

Deixe um Comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *