06maio
Por: Klever Kolberg ligado: maio 06, 2019 Em: Jobs, Palestras Comentários: 0

Não sei se a pergunta é mais nova ou anterior a famosa frase de Shakespeare, que já tem mais de 400 anos, mas a tanto a liderança como a execução continuam atuais e importantes.

Armadilha da distração

Ambas exigem disciplina. Como foco é essencial, fica fácil se deixar levar pela tentação e cair na armadilha de tentar abraçar as duas responsabilidades, e acabar não realizando nenhuma com perfeição.

Execução

Pessoalmente sempre gostei de partir para a ação, colocar a mão na massa, ver as coisas realmente acontecendo, os resultados são palpáveis, sem falar da sensação de merecer o reconhecimento.

Motivação

Essa motivação é ótima, mas também esconde uma armadilha. Você dá a largada sem investir tempo num diagnóstico, ou seja, ao invés de primeiro planejar, parte para o “fazejar” e pode acabar derrapando na primeira curva.

Foco

Para não perder o foco no tema deste post, rapidamente reforço que o planejamento é uma ferramenta indispensável para o sucesso, mas esta história fica para outra oportunidade.

Superação

Após a nossa primeira vitória em uma categoria no Rally Dakar de 1991, nós não ficamos satisfeitos, queríamos ir ainda mais longe. A equipe precisava crescer.

Desenvolvimento

Para contar com a ajuda desses novos talentos, eu e o André Azevedo começamos a dedicar parte do nosso tempo para a preparação dos novos aliados.

Liderança

Era necessário multiplicar nossa experiência, facilitar que desenvolvessem seu conhecimento e habilidades. Literalmente mostrar o caminho para aqueles que pela primeira vez estariam desafiando o deserto.

Desafio

Mas (sempre tem um mas) ao mesmo tempo eu continuaria sendo um dos pilotos. Como pilotar e dirigir ao mesmo tempo?

Família

Eu precisava mudar meu foco. Na época eu não era casado, não tinha filhos, experiência que talvez tivesse me ajudado a compreender a equipe como uma família.

Gratidão

Nem sei como expressar a gratidão pelas inúmeras vezes que meus pais abriram mão de seus desejos para realizar os meus sonhos. Eles me transmitiram essa cultura, uma crença que ficou enraizada dentro de mim.

Decisão

Intuitivamente notei que poderia me realizar com o sucesso do time, um objetivo maior.

O primeiro passo não era pensar no que fazer, mas sim no que deixar de fazer, disponibilizar tempo para este novo desafio.

Equilíbrio

Sim, eu continuei a fazer as coisas todos os dias, inclusive a pilotar minha moto. Tive a ajuda da disciplina do esportista para não me distrair neste novo exercício de equilíbrio, não sobre duas rodas, mas para redefinir as prioridades.

Celebração

Os resultados foram fantásticos. A equipe conquistou vários pódios, as portas se abriram, o horizonte se ampliou como se meus limites tivessem se estendido.

E o melhor de tudo, a comemoração é mais divertida, afinal, festa boa é aquela em que não estamos sozinhos.

Liderança, Execução e Celebração. Foto: David Santos Jr / Fotoarena

Liderança e Celebração. Foto: David Santos Jr / Fotoarena

Trackback URL: http://www.palestramotivacional.com/lideranca/trackback/

Deixe um Comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *