29ago
Por: Klever Kolberg ligado: agosto 29, 2019 Em: Jobs, Palestras, Vídeos Comentários: 0

Você prefere ser espectador ou protagonista?

Rally Paris-Dakar

Em 1987, o resumo da nossa pesquisa sobre o que era o Rally Paris-Dakar, mostrava que ele era considerado o mais importante e difícil rally do mundo. Uma prova com um percurso secreto, que muda todo ano, nunca é repetido. São cerca de 10.000 km, num dos ambientes mais inóspitos da terra, o deserto do Saara.

Roteiro

Este roteiro é dividido em etapas diárias. Todo dia você desmonta o acampamento e tem de acelerar cerca de 800 km para chegar ao ponto marcado para o acampamento seguinte.

Acampamento

Quando você chega neste ponto do acampamento seguinte, não há infraestrutura. Até ter um camelo é um luxo, tem alguém para você desabafar, falar das dificuldades do dia. Uma informação importante, o banheiro é gigantesco e tem vista panorâmica.

Veículos

Participam motos, carros, caminhões e atualmente quadriciclos e UTVs também. Todos enfrentam o mesmo percurso, as mesmas dificuldades. E quem vence este negócio?

Regulamento

Na teoria o regulamento diz que vence o mais rápido em cada categoria. Então se soma o tempo de cada etapa e no final, quem tiver a menor soma, o mais rápido, é o vencedor.

Ambiente competitivo

O ambiente é extremamente competitivo. Participam as maiores e melhores equipes do mundo. Investindo muito na sua preparação, desenvolvimento, equipe de apoio e na participação propriamente dita. Na época, apenas 30% dos participantes conseguiam completar a prova.

Do kart para a F1

Para nós que estávamos competindo com pequenas motos aqui no meio do mato, ir para o deserto era como sair do Kart direto para a F1. Na época era proibida a importação de motocicletas. Nós treinamos com uma pequena moto de 180 cilindradas, e lá utilizaríamos um mostro de 600 cilindradas com um tanque de 60 litros de combustível.

Conhecendo o equipamento

Acredite se quiser, mas a primeira vez que andei na moto preparada foi praticamente um dia antes da largada, para amaciar o motor. E na estrada, não na terra.

Desafio

Pode parecer um exagero. Mas era como aprender a pilotar um pequeno avião de dois lugares e da noite para o dia comandar um Boeing com 300 pessoas. Era literalmente muita areia para o nosso caminhãozinho.

Espectador ou protagonista

E você, o que te levaria a ir em frente? Estaria disposto a assumir o comando desta jornada? Você prefere ser o protagonista, bater o pênalti na decisão, ou prefere ser um espectador?

Trackback URL: http://www.palestramotivacional.com/protagonista/trackback/

Deixe um Comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *